Importando Arquivos no SAS

Nem sempre os arquivos que você receberá, estarão no formato desejado. É comum recebermos arquivos em .txt, ou até mesmo em Excel, e precisarmos utilizá-los junto com bases em SAS. Felizmente, o SAS tem o PROC IMPORT para facilitar muito nossa vida. A sintaxe é bem simples, não tem muito segredo:

/*importa txt*/
proc import datafile="nome_do_diretorio/nome_do_arquivo.txt"
out= nome_SAS dbms =dlm replace;
delimiter='|' ;
getnames=yes;
run;
/*importa xlsx*/
PROC IMPORT out =AUDB2B.STATUS_FIXA_&DT_REF_STATUS.
DATAFILE="nome_do_diretorio/nome_do_arquivo.xlsx"
dbms=xlsx REPLACE ;
run;

O código até que é intuitivo. Mas vamos explicar melhor os argumentos:

  • datafile: diretório completo, com o nome e formato do arquivo. Tudo entre aspas;
    – out: nome da base que será criada no SAS para armazenar as informações importadas.
  • dbms: identifica o tipo de informação sendo importada. Para Excel, utilizamos o xlsx; para ACCESS (extensão mdb ou accdb), será utilizado ACCESS; para arquivo texto pode ser DLM ou TAB.
  • replace: sobrepõe uma tabela existente no SAS.
  • getnames: utiliza a primeira linha do arquivo como cabeçalho da tabela no SAS.

Não tem muito segredo. O bom é que você pode colocar macros com o comando ou então já incluí-lo no seu código para deixar tudo mais automatizado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s